segunda-feira, 23 de março de 2009

Lápis de Cor

São inúmeras as vezes em que, por estas bandas, tento chamar a atenção para o descolorido que nos atinge a todos e que mais parece uma moda com sabor a "para sempre". Nunca é demais alertar para a ausência de cores vivas que impedem, mesmo que ao relento, de se conseguir melhores resultados do que aqueles a que muitos se acomodam. Há que desenferrujar os lápis de cores, marcadores, pincéis e pintar novos arco-íris, novas estradas floridas, novos sorrisos...
A cor consegue eliminar muita da carga negativa com que o cinzento dos dias nos brinda. É ao entrar-se com fé nesse jogo de provocação que, muitas vezes, conseguimos ficar mais fortes.
E para que isso aconteça, nunca podemos partir do pressuposto de que "é a vida", mas sim encarar cada traço negro como mais uma hipótese de conquistarmos uma vitória, mais uma hipótese de desbravarmos um caminho que, mesmo parecendo difícil, é muito mais interessante do que imaginamos.
Ninguém contrói um arco-íris partindo do pressuposto de que não tem outras cores.

12 comentários:

julia disse...

O ideal seria encararmos o cinzento da vida com uma simples ida à papelaria da esquina para comprar paletes de cores.

FM disse...

Acredita que seria... E mais, é possível, tantas, mas tantas vezes... Mas acomodámo-nos, infelizmente.
Beijos e Boa Semana Júlia.

Não Sou... disse...

Eu decidi à pouco tempo pegar nos meus lápis de cor e procurar pintar um novo arco-iris na minha vida, porque o anterior ficou por acabar...
Abraço

FM disse...

Então, mãos à obra, com vontade, persistência e paciência.
Abraço.

inês disse...

eu tenho é que comprar uma caixa de lápis nova! os que tenho, já não dão para nada!

FM disse...

Faz isso Inês!
Olha, aproveita e faz HOJE, não deixes para amanhã, nem fiques à espera de "saldos".
Beijos.

macaw disse...

por vezes gastamos a nossa energia em coisas que não devíamos e ficámos esgotados. tudo fica cinzento e não nos resta energia sequer para pegar num lápis. mas, aí vem o mas, em vez de dizer que "é a vida", há que nos concentrarmos no "melhores dias virão", levar o tempo necessário para recuperar a energia e seguir em frente. persistência e paciência são mesmo a chave para não perdermos a vida de vista!

bjinhos ;)

JOOX ETZEL disse...

Temos os lápis de todas as cores no bolso, é só pegar e usar sem medo. Apesar dos cinzentos repinto a minha vida muitas vezes.


Abraço

FM disse...

Somos uns "tristes" que estão sempre a reclamar e... não fazemos nada para alterar. Enfim.
Beijos Macaw.

FM disse...

Que assim seja sempre Joox.
Abraço.

Juliana disse...

A vida é feita de altos e baixos,e é com a ajuda das cores que conseguimos ultrupassar maior parte desses baixos e absorver o melhor dos momentos altos, porque se a vida fosse totalmente perfeita não faria qualquer sentido!A luta é constante mas vale a pena é preciso é acreditar!

Bjinhos Padrinhoo

FM disse...

Que a cor nunca te falte Juliana.
Beijos.

Acerca de mim

A minha foto
Portugal
Sempre algures entre o hoje e o amanhã, sem esquecer a memória.

JACKPOT

JACKPOT
Música Anos 70, 80 e 90

Porto Canal

Porto Canal

O Livro do Ano

O Livro do Ano
Escrito por uma Deusa e um Sonhador... em nome de um Ângelo

...Sempre...

...Sempre...

Blog Archive