quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Equilíbrios

A sociedade farta-se de publicitar a necessidade de equilíbrio... Seja ele familiar, cultural ou de outra qualquer espécie... Mas, na verdade, andamos cada vez mais desequilibrados, como comprovam os fármacos que equilibram as finanças das grandes indústrias farmacêuticas e desequilibram ainda mais o "pobre" do consumidor.
É por estas e por outras que tentamos parecer equilibrados e, quando a nossa vincada atenção e contenção resvalam, lá temos que arranjar como justificação a "maldita medicação" que origina efeitos secundários e desordens emocionais perfeitamente "normais"... O tal do "foi a primeira vez".
No fundo, no fundo, nunca estivemos tão desequilibrados como nos dias que correm, nunca fomos tão "chonés" como efectivamente somos, nunca fomos tão falsos como hoje sabemos que somos... E tudo por causa da maldita vida que teima em pedir mais do que lhe devemos e lhe podemos dar, obrigando-nos a ter certos "desequilíbrios" para sabermos o que é, afinal, "equilibrar".

4 comentários:

Natacha disse...

Numa altura completamente desiquilibrada... já houve outras.
Vou equilibrando conforme posso e/ou sei... mas...

Beijo

FM disse...

Então continua, sem resvalar... É importante manter a "linha" de acção.
Beijos.

paulofski disse...

Convém ir equilibrando os pratos a nossa balança, com coisas boas é claro!

Abraço

Susana Araújo disse...

Olá.. eu sou uma desiquilibrada anónima (agr ja nao sou) (risos)..
eu acho que hoje em dia,da maneira que as coisas estão..ou as pessoas teem muita força e muita fé ou a industria farmaceutica fica a ganhar e bem com a nossa "fraqueza"..aliás..ja ganham!

Acerca de mim

A minha foto
Portugal
Sempre algures entre o hoje e o amanhã, sem esquecer a memória.

JACKPOT

JACKPOT
Música Anos 70, 80 e 90

Porto Canal

Porto Canal

O Livro do Ano

O Livro do Ano
Escrito por uma Deusa e um Sonhador... em nome de um Ângelo

...Sempre...

...Sempre...

Blog Archive