terça-feira, 27 de abril de 2010

Snus

Começo por sublinhar que não sou fundamentalista antitabágico e que, em 26 anos de fumador, nunca tentei deixar de fumar, apesar de sentir que, inteligentemente falando, devo fazê-lo, e tentarei fazê-lo mais tarde ou mais cedo, de preferência mais cedo.
Agora, e virando-me exclusivamente para os "Snus", vou tentar por palavras simples explicar o que se trata, em função de uma reportagem feita pelo programa "60 Minutos", emitido há dias, na SIC.
Os "Snut", antes de mais, que têm nicotina, são uns pequenos sacos com erva de tabaco que são colocados junto à gengiva, deixando, desta forma, libertar a mesma dose que um vulgar cigarro proporciona. (não confundir com tabaco de mascar)
Não, não há fumo. Sim, sim é na mesma viciante.
O "Snus" apareceu na Suécia, onde já é um dos melhores meios para se poder fumar em qualquer local, sem restrições de qualquer espécie, e é responsável por transformar aquele País no País Europeu com a mais baixa taxa de fumadores "per capita".
Mas, convenhamos, mais impressionante, segundo cientistas e institutos de referência Internacionais, é o facto de os "Snus" reduzirem em 90 a 99% os males provocados pelos cigarros comuns, além, claro, de permitir que se melhore as condições de saúde em geral (prejudicando menos, entenda-se).
Não sei se já existem "Snus" em Portugal, mas percebi que estão a ser um sucesso nos Estados Unidos, não só por reduzirem os males mas principalmente por darem mais hipóteses de, com o tempo, poder-se deixar de lado não só os maços de cigarros como as próprias latas de "Snus".
Em breve, com uma viagem intercontinental que farei, tentarei adquiri-los e, logicamente experimentá-los, quanto mais não seja para poder testar "in locco" e dar o meu testemunho, também por estas bandas.

Francisco Moreira

* Recomendo a procura de informação detalhada na Internet.

9 comentários:

bisturi disse...

Caro amigão:
SNU , SNU só conheci a Abecassis...
Era aquela senhora que vivia com sá Carneiro e que acabaria por morrer com ele naquele trágico acidente de aviação...
Por sinal também era Dinamarquesa...lá para os lados da suécia...
Agora estou desiludido contigo...Então vai recomendar um vício tão manhoso como esse de fumar tabaco "sem o fumo".
Mas que raio de brincadeira vem a ser essa...
Queremos ver os fumadores a poluir o ambiente tal como aquele vulcão lá de Islandia!!!
E cancro do lábio ? Não conta?!
E o cancro da orofaringe? Vai menosprezar?!
E o cancro da língua? Não existe?!
Tanta coisa na vida tão boa e vai de absorver nicotina como se fosse um pacote de Lipton Tea...BAH
ASSUMAM-SE E NÃO SE ESCONDAM ATRÁS DO PACOTE!!!
Isso deixou de estar na moda...não apostem no pacote...eheheheheheh

FM disse...

Olá Bisturi!

Lê lá direito o que escrevi. Mesmo que à pressa, limitei-me a dizer que existe algo que, não fazendo bem, faz menos pior, e substancialmente, que o tabaco. Entendeste?! (risos)

Quanto às tuas questões (abaixo), segundo os cientistas, não há razões para tais receios.

E cancro do lábio ? Não conta?!
E o cancro da orofaringe? Vai menosprezar?!
E o cancro da língua? Não existe?!

Deixo-te a seguinte pergunta (e quem sou eu para fazer perguntas a um médico!):

- Entre ter um cancro do pulmão ou não ter, o que é menos mau?

É aqui que assenta a tese de trocar os cigarros pelos "Snus", além de que podem ser um passo efectivo para se largar o vício.
Abraço.

bisturi disse...

Oh grande amigo:
Começo por te responder à última pergunta que formulaste e que tem uma resposta simples, directa e linear: É MUIIIIIITO MELHOR NÃO TER CANCRO DO PULMÂO, CONCERTEZA !!!!
Agora "snus" entendessemos saberias que que o que vicia é justamente a NICOTINA...
Portanto, fumada, mascada, em gotas ou em supositórios, vai sempre saturar os receptores agonistas do mesmo( agora é que te tramei com este rebuscado médico) e o insucesso é regra infalível...
A continuar ....porque vou googlar os "snus"...eheheheeheh

Olá!! disse...

O grande problema dos Snus é que quem os masca continua a fumar, vi há pouco tempo uma reportagem sobre isso. É bom para quem está muito tempo preso em sítios onde não se pode fumar (nem sair...)
Eu deixei, sem snus, nem pensos, nem pastilha, foi zas traz paz ou vais à faca...não há melhor incentivo ;)

Ohhhh Bisturi???? Que tens tu contra os pacotes??? Há pacotes bem giros ;)))))

Beijosssssssss

FM disse...

Vá, Bisturi, vai e volta! Arranja lá outros pacotes para os fumadores, como eu. (risos)
Abraço.

FM disse...

Olá Linda Olá! (risos)
Que boa notícia, essa de teres deixado de fumar.
É, o Bisturi, de tanto o usar - ao bistui - noutras partes do corpo esquece-se dos "pacotes", dos bons, claro, dos que não trazem nicotina, imagino eu. (risos)
Beijos.

bisturi disse...

Daqui a um bocado quem leva no "pacote" são vocês , seus malandrecos bem intencionados....eheheheheheheheh

geral disse...

O assunto é sério e a alternativa é viável.

Também vi o "60 minutes" no dia 18 de Abril, como todos vocês viram. Pesquisei um pouco mais de informação e no dia 28 de Abril recebi a minha primeira encomenda.

Para terem uma ideia do meu perfil enquanto fumador, fumei durante 14 anos, nos últimos fumava 2 maços por dia, deixei de fumar durante uns anos e voltei, por parvoice, à cerca de 3 anos desta vez a fumar 1 maço por dia.

Desde Outubro de 2009 que andava a "tentar" deixar de fumar, tendo optado pelas pastilhas de nicotina. A única coisa que fiz foi reduzir alguns cigarros e quase apanhar uma úlcera no estômago por causa das pastilhas.

No dia 28 de Abril, por volta das 11:00 da manhã, depois de já ter fumado 3 cigarros, meti a primeira bolsa na boca ...

Hoje, dia 22 de Maio, vou na minha 6ª lata e nunca mais fumei um cigarro desde aquela manhã!!!!

Uso cerca de 5/6 porções por dia, encomendei mais umas latas só para experimentar sabores diferentes e cigarros nem o cheiro.

Os estudos indicam cerca de menos 95% que os malefícios dos cigarros e quanto à possibilidade de cancro no pâncreas penso que esse estudos são baseados no tabaco de mascar e não no snuss.

Argon disse...

Desde que estive na Noruega, em 2007, e me mostraram o Snus que não quero outra coisa. Tenho adquirido online (em pequenas quantidades, pois têm validade muito curta), e até agora não quero outra coisa.

Acerca de mim

A minha foto
Portugal
Sempre algures entre o hoje e o amanhã, sem esquecer a memória.

JACKPOT

JACKPOT
Música Anos 70, 80 e 90

Porto Canal

Porto Canal

O Livro do Ano

O Livro do Ano
Escrito por uma Deusa e um Sonhador... em nome de um Ângelo

...Sempre...

...Sempre...

Blog Archive