quinta-feira, 11 de março de 2010

Saudades de Mim

Tenho saudades de tanta coisa, de tantos lugares e, principalmente, de tanta gente. Há alturas em que me apetece ter o poder de reunir todos os grandes momentos da minha vida e colocá-los num palco, assim, aqui, bem à minha frente, para os reviver vezes sem conta.
Apetece-me sentar numa poltrona e voltar a rir de mim e dos outros, voltar a chorar por mim e pelos outros, voltar a sentir por mim e pelos outros.
Não é a primeira vez que assino por baixo do: " - Sou um inconformado romântico." - e o romântico não tem que ter a ver exclusivamente com questões amorosas. Confesso que não me revejo no "hoje" sem os necessários e gratificantes recuos no tempo, não me encontro sem partículas do que fui, do que vivi, e de como aconteci.
Entendo que muito do que somos passou pelo que somamos e subtraímos ao longo do nosso percurso, ao longo desta aprendizagem contínua, desta escola onde, se repararmos, mesmo nos piores momentos, foi vivida sem ausências, sem faltas. (a única altura em que, provavelmente, faltamos às aulas da vida é quando morremos)
E é nestas alturas de balanço, sempre repetidas até à exaustão, que me sinto mais Eu, que me sinto mais próximo de quem quis ser e, já agora, de quem sou, verdadeiramente. Embora, ironicamente e sempre, cheio de saudades de mim.

Francisco Moreira

4 comentários:

sonia disse...

Claro que vou passando por cá, quanto mais não seja para matar saudades dos bons tempos!!!
A minha filha tem 28 meses e já me ensinou muitas coisa novas e muitas coisas boas, por isso digo que a maternidade/ paternidade é uma vida nova cheia de coisas boas!!!
Beijinhos (com a promessa de um dia destes aparecer no VV)...;)

Não Sou... disse...

Nova imagem... Muito brm...
Abraço

FM disse...

Isso é bom, Sónia! Mais, é óptimo, claro.
Também tenho aprendido imenso, todos os dias, a todos os instantes.
Fico Feliz em saber que estão bem.
Beijos e... Vai parecendo.

FM disse...

Olá, Não Sou!
Ainda não está como desejo... Mas, com calma, lá chegarei.
Obrigado e Abraço.

Acerca de mim

A minha foto
Portugal
Sempre algures entre o hoje e o amanhã, sem esquecer a memória.

JACKPOT

JACKPOT
Música Anos 70, 80 e 90

Porto Canal

Porto Canal

O Livro do Ano

O Livro do Ano
Escrito por uma Deusa e um Sonhador... em nome de um Ângelo

...Sempre...

...Sempre...

Blog Archive