quarta-feira, 16 de abril de 2008

Pausa

Por vezes imagino-me estátua, só para poder ver e sentir o que me rodeia, reparar nos pormenores, nos instantes, nos gestos, nos seres e "aconteceres"... Creio que ficaria surpreendido, provavelmente triste com a tristeza que vai no mundo, com a solidão que corrói, com o olhar que faz que não vê, com a falsidade gratuita, com as pessoas que cada vez menos o são... Mas, por outro lado, provavelmente ficaria feliz com o aperto na mão, o beijo desejado, o apoio sem troco, a coragem dos heróis, as histórias de ternura, a paixão pelo desconhecido, a criança que nunca deixou de o ser...
Por vezes imagino-me estátua, só para "investir-me de balança" e tentar dar mais peso ao lado que descuramos e que deixamos cair de cada vez que nos esquecemos do que queríamos ser, do que fomos, o que passamos, ou que somos e aquilo para que nos encaminhamos...
Se calhar, no meio de tantos passos apressados, a cura está na estátua, aquela que deveríamos vestir de cada vez que fazemos asneira.

16 comentários:

Branca disse...

Bem, nunca tinha pensado nisso...

Neste nosso mundo em que toda a gente corre para todo lado, a toda a hora, se calhar se parassemos um bocadito para reflectir sobre o que nos rodeia e nos acontece as coisas não nos pareceriam tão más, tantas vezes...

Não sei!
Levo comigo o pensamento sobre este assunto...

Beijinhos e boa semana :)

FM disse...

Olá Branca!
É também por isso que escrevo, para fazer pensar...
Beijos.

liamaral disse...

Não te faças de estátua muitas vezes! Ri quando tiveres que rir, chora quando tiveres de chorar e olha quando tiveres que olhar!!

:)

Olá!! disse...

Pois eu paro muitas vezes para ver e ouvir... muitas dessas vezes não gosto do que vejo, nem do que ouço...
Beijossssssss

MINO disse...

Parar para ver, neste mundo veloz é tipo loucura...
A velocidade a que se vive para o superficial cega-nos.

Subscrevo inteiramente!

Abraços.

Tom disse...

É chamada a bservação passiva. Adoro ver ser ser visto.

mik@ disse...

:)
de cada vez que tento estar muito quieta e nao me mexer é quando me mecho mais :) eheheh
eu considero-me uma pessoa e gosto de o ser, às vezes um pouco distraida mas não é por mal :)))
beijinhos

FM disse...

Eu sei Liamaral, por causa das pombas, não é?!? (risos)

FM disse...

Nem eu Olá, nem eu... Mas há coisas "munitas"... que só vemos quando fazemos pausas...
Beijos.

FM disse...

É verdade Mino, e cega-nos cada vez mais...
Abraço.

FM disse...

Não me digas que és "voyeur"... Tom.
(risos)

FM disse...

Não me digas que és Caranguejo de signo Mik@. (sorrisos)
Fazes bem em continuar a ser Gente.
Beijos.

Suave Toque disse...

Olá...fico feliz em saber que é um ariano como eu. Signo por mim considerado de uma força e garra imensa. Também fico feliz por aceitares meu desafio.
Hoje, completando meus 43 anos, fico feliz em ter conquistado amigos como você. Por vezes gostaria de assim ser, uma estátua, para não ver o que odeio ver no mundo.

Um grande beijo

Elcia
BElluci

Sara disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
FM disse...

Então Elcia, Muitos, Muitos PARABÉNS! Que este teu novo ano te traga imensa Felicidade e Sucesso.
Beijos com Sorrisos.

FM disse...

Não se esqueçam de fazer umas pausas... è bom aprender a dar valor às coisas, aos gestos, enfim.

Acerca de mim

A minha foto
Portugal
Sempre algures entre o hoje e o amanhã, sem esquecer a memória.

JACKPOT

JACKPOT
Música Anos 70, 80 e 90

Porto Canal

Porto Canal

O Livro do Ano

O Livro do Ano
Escrito por uma Deusa e um Sonhador... em nome de um Ângelo

...Sempre...

...Sempre...

Blog Archive